Gotas de poesia

20 de janeiro de 2020 Off Por Pedro Taunay Graça Couto

por trás e sob
as moitas de louro
nas crinas da vala.
As palavras se abrem
como cogumelos nascidos
do tronco
claro da azinheira
e tu que esparges
as pedras
para vê-las se afundarem.
.