Gotas de Poesia

31 de março de 2020 Off Por Pedro Taunay Graça Couto

Para celebrar, confira uma seleção de 8 poemas de 8 poetas contemporâneos de diversas partes do Brasil.

angelica-freitas-1

1. “eu durmo comigo”, de Angélica Freitas

“eu durmo comigo/ deitada de bruços eu durmo comigo/ virada pra direita eu durmo comigo/ eu durmo comigo abraçada comigo/ não há noite tão longa em que não durma comigo/ como um trovador agarrado ao alaúde eu durmo comigo/ eu durmo comigo debaixo da noite estrelada/ eu durmo comigo enquanto os outros fazem aniversário/ eu durmo comigo às vezes de óculos/ e mesmo no escuro sei que estou dormindo comigo/ e quem quiser dormir comigo vai ter que dormir ao lado”

beber1

2. “Romance em 12 linhas”, de Bruna Beber

“quanto tempo falta pra gente se ver hojequanto tempo falta pra gente se ver logoquanto tempo falta pra gente se ver todo diaquanto tempo falta pra gente se ver pra semprequanto tempo falta pra gente se ver dia sim dia nãoquanto tempo falta pra gente se ver às vezesquanto tempo falta pra gente se ver cada vez menosquanto tempo falta pra gente não querer se verquanto tempo falta pra gente não querer se ver nunca maisquanto tempo falta pra gente se ver e fingir que não se viuquanto tempo falta pra gente se ver e não se reconhecerquanto tempo falta pra gente se ver e nem lembrar que um dia se conheceu”