Machado de Assis

3 de outubro de 2017 Off Por Pedro Taunay Graça Couto

O cara que consegue fazer a biografia de um defunto  é gênio,

Memórias póstumas de Brás Cubas é genial.